salmo 128

ESTUDO SOBRE O SALMO 128: AQUELE QUE TEME A DEUS TERÁ SUA FAMÍLIA ABENÇOADA

Compartilhe este estudo bíblico

O QUE VEREMOS NO ESTUDO SOBRE O SALMO 128 

Neste estudo sobre o salmo 128 refletiremos sobre as dificuldades enfrentadas por muitas famílias, sobretudo na esfera espiritual. Também aprenderemos que abençoados são os que temem ao Senhor e e que estas bênçãos estão associadas, especialmente, ao bem-estar familiar. Eis o texto do salmo 128:

TEXTO: SALMO 128: 1-6

1-Bem-aventurado aquele que teme ao SENHOR e anda nos seus caminhos.
2-Pois comerás do trabalho das tuas mãos; feliz serás, e te irá bem.
3-A tua mulher será como a videira frutífera aos lados da tua casa; os teus filhos como plantas de oliveira à roda da tua mesa.
4-Eis que assim será abençoado o homem que teme ao Senhor.
5-O Senhor te abençoará desde Sião, e tu verás o bem de Jerusalém em todos os dias da tua vida.
6-E verás os filhos de teus filhos, e a paz sobre Israel.
 

Sabemos que muitas pessoas estão atravessando momentos difíceis em suas vidas. Muitas dessas dificuldades estão atreladas aos problemas familiares, que no menor dos casos, são os desentendimentos entre parentes.

Essas desavenças familiares estão ocorrendo com mais frequência a cada dia que passa. Isso se reflete na formação da própria sociedade. Hoje, nos deparamos com uma sociedade doente, onde os valores não são mais respeitados ou estão invertidos.        Desta forma, concluímos, seguramente, que uma família doente gera uma sociedade doente. Podemos então, nos perguntar: Por que nossas famílias estão doentes e desajustadas?

A resposta não é tão complexa. Um dos principais motivos é a falta de temor à Deus. É claro que isso leva a uma consequência que se torna devastadora: a investida de Satanás. Como o Diabo não se conforma com os propósitos de Deus, tenta, a todo custo, desfazê-los. A família sempre fez parte dos propósitos do Senhor, por isso que existem tantos ataques, que infelizmente, estão surtindo efeitos em alguns dos lares, inclusive cristãos.

O Salmo 128 faz parte de uma coleção de salmos que se inicia no 120 e termina no 134. Este conjunto apresenta um título chamado de “Cântico gradual ou das subidas”, isso por causa dos peregrinos que cantavam quando subiam para Jerusalém.

Isso acontecia especialmente em grandes festas como a “festa dos pães ázimos” (que celebra a saída do Egito), a “festa da sega dos primeiros frutos” (que eram semeados no campo) e a “festa da colheita” (relacionada a saída do ano).

O termo “Romagem” se refere a subida dos degraus. No caso eram os degraus para chegar em Jerusalém, que ficava a mais de 750 m acima do nível do mar.

Ao lermos este salmo, observaremos que de nada valem os planos, projetos e sonhos do homem se estes não estiverem atrelados à vontade de Deus. Se Ele não fizer prosperar, nada do que fizermos fará diferença.

Neste estudo do salmo 128, trataremos de alguns assuntos, mas a ênfase está na prosperidade da família mediante o temor a Deus. Vamos analisar cada versículo. 

1-Bem-aventurado aquele que teme ao SENHOR e anda nos seus caminhos.

O primeiro versículo já inicia com uma expressão muito interessante: “bem-aventurado”. Esse adjetivo se refere aquele que é mais do que feliz, muito feliz. Ele também pode ser considerado um substantivo que está dando nome aquele ou aquela que tem a glória dos céus. Então, percebe que maravilha é ser bem-aventurado.

Porém, é necessário compreendermos que para ser mais do que feliz é necessário temer ao Senhor e andar nos seus caminhos.

Provérbios 14:27:O temor do Senhor é fonte de vida, para desviar dos laços da morte. 

Provérbios 9:10: O temor do Senhor é o princípio da sabedoria, e o conhecimento do Santo a prudência. 

Jó 28:28: E disse ao homem: Eis que o temor do Senhor é a sabedoria, e apartar-se do mal é a inteligência. 

Provérbios 10:27: O temor do Senhor aumenta os dias, mas os perversos terão os anos da vida abreviados. 

Temos que andar em seus caminhos porque:

É DELE QUE VEM NOSSA FORÇA:

Deuteronômio 8:18: Antes te lembrarás do Senhor teu Deus, que ele é o que te dá força para adquirires riqueza; para confirmar a sua aliança, que jurou a teus pais, como se vê neste dia. 

PRECISAMOS CONFIAR NELE PORQUE SEM ELE NADA PODEREMOS FAZER:

Provérbios 3:5: Confia no Senhor de todo o teu coração, e não te estribes no teu próprio entendimento. 

Provérbios 21:31: Prepara-se o cavalo para o dia da batalha, porém do Senhor vem a vitória. 

João 15:5: Eu sou a videira, vós as varas; quem está em mim, e eu nele, esse dá muito fruto; porque sem mim nada podeis fazer. 

TEMOS QUE CONFIAR, POQUE COM ELE NÃO VAMOS PERECER:

Mateus 6:25,26: Por isso vos digo: Não andeis cuidadosos quanto à vossa vida, pelo que haveis de comer ou pelo que haveis de beber; nem quanto ao vosso corpo, pelo que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o mantimento, e o corpo mais do que o vestuário? Olhai para as aves do céu, que nem semeiam, nem segam, nem ajuntam em celeiros; e vosso Pai celestial as alimenta. Não tendes vós muito mais valor do que elas? 

2-Pois comerás do trabalho das tuas mãos; feliz serás, e te irá bem.

Só em podermos dizer que estamos tendo a possibilidade de sustentar nosso lar com o fruto do nosso trabalho, já é gratificante. Você não depender de ninguém para se sustentar, apenas da força que Deus te deu, é muito bom. Infelizmente, não são poucos os que não podem dizer isso. Milhões de pessoas pelo mundo estão passando fome, não conseguem, apenas com o trabalho de suas mãos, sustentar suas famílias. É muito triste. Por isso devemos sempre orar e agir pelos nossos irmãos que estão necessitados.

A própria bíblia associa a felicidade ao bem-estar, quando podemos comer dos frutos do nosso próprio trabalho. No entanto, essa felicidade cabe ao justo, aquele que teme e segue os preceitos do Senhor.

Isaías 3:10: Dizei ao justo que bem lhe irá; porque comerão do fruto das suas obras. 

O nosso trabalho é um dom de Deus, por isso devemos usufruir de seus frutos:

Eclesiastes 3:13: E também que todo o homem coma e beba, e goze do bem de todo o seu trabalho; isto é um dom de Deus. 

3-A tua mulher será como a videira frutífera aos lados da tua casa; os teus filhos como plantas de oliveira à roda da tua mesa. 

No Salmo 128 observamos a ênfase que é dada à mulher frutífera. Naquela época, a expressão relacionada a mulher como uma videira frutífera, queria dizer que ela era fértil e que tinha capacidade de dar muitos filhos. Isso era um motivo de orgulho e felicidade, não só para o homem, como também para a mulher. Ana, quando não podia engravidar, estava sempre amargurada. Mas, depois que seu desejo foi atendido e teve seu filho, se tornou uma mulher feliz.

Ezequiel 19:10: Tua mãe era como uma videira no teu sangue, plantada junto às águas; ela frutificou, e encheu-se de ramos, por causa das muitas águas. 

É bem verdade que essa expressão pode ser aplicada em vários contextos, como por exemplo, a mulher que trabalha e traz mantimentos para sua casa. A mulher que edifica sua casa e que é prudente. Tudo isso é motivo para dizer que ela é frutífera, pois dá o melhor de si. E isso proporciona felicidade para toda família.

4-Eis que assim será abençoado o homem que teme ao Senhor. 

Este versículo é apenas um reforço do primeiro, isto é, que o homem com certeza é abençoado quando teme ao Senhor. E essas bençãos ocorrem por meio de bem-aventuranças, com muita felicidade, com mulher que dará bons frutos e com filhos maravilhosos.

5-O Senhor te abençoará desde Sião, e tu verás o bem de Jerusalém em todos os dias da tua vida. 

Neste versículo vemos que aquele que teme ao Senhor terá bênçãos sem medidas, independentemente de onde esteja e para onde vai. Outra coisa a destacar é que na parte do versículo que diz: “tu verás o bem de Jerusalém todos os dias da tua vida” está se referindo as coisas boas que o Senhor proporcionará todos os dias para seus justos, para os que o temem. Quando a paz reina em sua casa, a felicidade prevalece em seu coração. Isso é contemplar coisas boas todos os dias.

6-E verás os filhos de teus filhos, e a paz sobre Israel. 

Este último versículo é a complementação do anterior. Quando você está bem, feliz e próspero, com certeza viverá mais e a bênção de Deus fará com que seus dias sejam prolongados. É o desejo de todos nós, termos nossos dias prolongados para podermos contemplar o crescimento de nossos filhos e netos.

Quando um homem ou mulher apresentam temor a Deus, ganham esse benefício de longevidade. Não foi assim que ocorreu com o rei Ezequias? Foi um homem temente a Deus e teve seus dias prolongados. Jó também foi um homem sábio e temente ao Senhor. Ele pode, apesar de tudo, contemplar a longevidade e viu seus filhos e netos crescerem.

Quando uma família honra a Deus e o teme, apesar das dificuldades, consegue vencer e prosperar. Deus permite que a paz e a felicidade prevaleçam. Todos queremos isso, não é? Então, sejamos mais tementes a Deus. Famílias, recebam ao Senhor em suas casas. Dessa forma, teremos um lar mais saudável e uma sociedade mais estruturada.

Espero que este estudo sobre o salmo 128 tenha sido de grande valia para sua vida espiritual. Que Deus te abençoe!

Para mais estudos como esse sobre o salmo 128, acesse a home de nosso site, aqui.  

 

 

 

2 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *